SOBRE REPÚBLICAS, MILITARES, FANTASMAS E BENGALAS

CARVALHO, José Murilo de. Forças armadas e política no Brasil. São Paulo: Todavia, 2019. 320 p.

Autores

  • Rafael Marino
  • Daniela Constanzo

DOI:

https://doi.org/10.4322/tp.30106

Resumo

O livro que aqui temos em tela, Forças armadas e política no Brasil, do historiador e cientista social José Murilo de Caralho, no prefácio à reedição (ampliada e renovada), contém uma observação, entre a ironia objetiva e certa resignação, marcante: este conjunto de estudos sobre as Forças Armadas no Brasil, publicado pela primeira vez em 2005, deixou de ser reeditado porque o interesse, do público e do autor, pelo tema das Forças Armadas havia reduzido sensivelmente. A base material para tal desinteresse teria sido, justamente, os avanços sociais e a estabilidade institucional que o país assistira entre as décadas de 1990 e 2010.

Referências

Bastos, Elide Rugai. 2011. Atualidade do pensamento social brasileiro. Sociedade e Estado, 26 (2): 51-70.

Brandão, Gildo Marçal. 2005. Linhagens do Pensamento Político Brasileiro. Dados, Rio de Janeiro, 48 (2): 231-269.

Castro, Celso. 2021. General Villas Bôas: conversa com o comandante. Rio de Janeiro: FGV Editora.

Castro, Celso; Marques, Adriane (Org.). 2019. Missão Haiti: a visão dos force commanders. Rio de Janeiro: FGV Editora.

Castro, Celso; Monnerat, Silvia. 2018. Por uma etnografia dos dados: a propósito de uma investigação sobre o perfil social dos militares brasileiros. Sociologia, problemas e práticas, 1(91): 9-22.

Carvalho, José Murilo de. 2012. Cidadania no Brasil: o longo caminho. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira.

____________________. 2019. Forças armadas e política no Brasil. São Paulo: Todavia, 2019.

Forjaz, Maria 1997. A emergência da Ciência Política no Brasil: aspectos institucionais. Revista Brasileira de Ciências Sociais, 12 (35): 1-22.

Ginzburg, Carlo. 2014. Medo, reverência e terror. São Paulo: Companhia das Letras, 2014.

Gugliano, Mônica. 2020. Vou intervir!. Piauí. Questões da ultradireita, São Paulo, 14 Ago.

Keinert, Fábio e SILVA, Dimitri. 2010. A gênese da ciência política brasileira. Tempo Social, 22(1): 79-98.

Leirner, Piero. 2020. O Brasil no espectro de uma Guerra Híbrida: militares, operações psicológicas e política em uma perspectiva etnográfica. São Paulo: Alameda.

Martins Filho, João Roberto (Org.). 2021. Os militares e a crise brasileira. São Paulo: Alameda.

Moraes, João Quartim de. 1989. O poder constituinte e a força. Estudos avançados, 3(7): 67-86.

Oliveira, E. de. 1986. Forças Armadas: pensamento e ação política. In: R. MORAES, R. ANTUNES e V. FERRANTE. (Org.). Inteligência brasileira. São Paulo: Brasiliense, p. 257-278.

Raposo, Eduardo; Rezende de Carvalho, Maria Alice; Schaffel, Sarita. 2019. Para pensar o Exército Brasileiro no século XXI. Brasília/Rio de Janeiro: Capes/Puc-Rio.

Rezende de Carvalho, Maria Alice. 2019. Exército Brasileiro: um retrato à aquarela. Novos Estudos, 38(2): 637-651.

Downloads

Publicado

2021-12-15

Edição

Seção

Resenhas