DELIBERAÇÃO E DEMOCRACIA: A TEORIA DELIBERATIVA E SEUS CRÍTICOS

Autores

  • Pedro Alcântara Alcântara

DOI:

https://doi.org/10.4322/tp.v27i1.646

Resumo

A teoria da democracia deliberativa é uma abordagem consagrada no campo das chamadas perspectivas alternativas ao modelo liberal hegemônico na teoria democrática. A partir da defesa do processo deliberativo os teóricos da deliberação buscam alargar o horizonte normativo da democracia, ampliando as possibilidades de inclusão e participação e requalificando o processo de decisão política. Neste artigo apresentamos os principais fundamentos teóricos da teoria deliberativa a partir de diversos autores e autoras, a fim de discutir como tal corrente propõe a ampliação da democracia através da deliberação pública. Buscaremos também evidenciar os limites dessa corrente. Sustentaremos que tais limitações, especialmente na abordagem habermasiana, seriam capazes de legitimar assimetrias, encurtando o alcance das mudanças de viés democratizantes prometidas pelos deliberativos.

Downloads

Publicado

2018-09-23

Edição

Seção

Artigos